13 março, 2011

Chulé está relacionado a suor ou falta de higiene, alerta dermatologista sobre a bromidrose.

Segundo Luiz Guilherme Castro, bactérias digerem suor, exalando cheiro ruim. Para evitar problema, deve-se lavar os pés, usar talco e não repetir as meias.

chulé mal cheiro saude bem estar vergonha falta de higiene horrível insuportável kichute bamba - Blog de Campeao - WiTiaNbloGFicar o dia inteiro com sapato fechado ou fazer uma atividade física intensa de tênis e meia favorece o aparecimento do chulé. Principalmente se os pés estiverem suados e sem a higiene adequada. Segundo o dermatologista Luiz Guilherme Castro, convidado do Bem Estar nesta quinta-feira (10), as bactérias na pele digerem o suor, o que exala o cheiro ruim característico do problema.

O nome científico do chulé é bromidrose, que em grego significa água malcheirosa ("bromos" é "cheiro ruim" e "hidros", água). Mas a nossa palavra em português veio de "zulé", que em banto, uma família linguística africana, quer dizer "peixe podre".

Fonte: Bem Estar

Comentário do Editor do Blog de Campeao - WiTiaNbloG

Essa matéria me fez lembrar a infância, quando usava “kichute” ou “bamba”… isso sim era chulé! Quem usou sabe do que estou falando. HahahAHahahAHahahAHahaha