14 outubro, 2011

Casais materialistas têm mais problemas, segundo pesquisa.

Casais materialistas têm mais problemas, segundo pesquisa.Pesquisadores descobriram que focar a atenção em dinheiro e propriedades pode prejudicar a felicidade e estabilidade do casal.
The New York Times
| 13/10/2011 13:14

Casais materialistas podem ter mais dinheiro, mas um novo estudo aponta que eles também têm mais problemas no relacionamento amoroso.
Estudiosos da Universidade de Brigham Young analisaram avaliações de relacionamentos fornecidas por mais de 1.700 casais norte americanos. Os participantes eram questionados sobre o grau de importância de “ter dinheiro e um monte de coisas”.

Dinheiro não traz felicidade, e pode até atrapalhar, Foco em dinheiro e propriedades afeta a estabilidade da relação, aponta pesquisa

Os dados mostraram que casais que disseram não achar o dinheiro tão relevante tiveram uma porcentagem 15% maior na estabilidade conjugal e em outros critérios de avaliação de qualidade da relação se comparados aos casais materialistas.
"Casais nos quais os dois cônjuges são materialistas são piores em quase todas as medidas que avaliamos”, disse Jason Carroll, professor da BYU em comunicado para a imprensa. “Há um padrão nos dados referentes ao desgaste da comunicação, problema na resolução de conflitos e pouca sensibilidade com o outro”, completa.

Um a cada cinco casais que participaram da pesquisa disse que o dinheiro era muito importante em suas vidas. Entre esses casais, apontados como financeiramente estáveis pelos pesquisadores, o dinheiro era fonte constante de conflitos. “Como esses casais enxergam suas finanças parece ser mais importante para a saúde conjugal do que a situação financeira real”, aponta Carroll.
O estudo foi publicado na edição do dia 13 de outubro do Journal of Couple & Relationship Therapy e mostrou também que um casal formado por duas pessoas materialistas terá mais problemas que um casal no qual uma só pessoa dá grande valor ao dinheiro.